Tag Archives: Alergia Alimentar

Curso Entendendo o Processo Alérgico

6 abr

No dia 12/04 (quarta-feira), das 18h às 22h, no Centro Empresarial Pátio Jardins – Calhau, acontecerá o curso Entendendo o Processo Alérgico, ministrado pela bióloga e mestre em alergia e imunopatologia Susanne Ferreira.

O curso tem o objetivo de formar, capacitar e atualizar graduandos, profissionais da área da saúde e pais e familiares de alérgicos/intolereantes sobre mecanismos biológicos clássicos do processo alérgico para melhor abordagem do paciente.

Dentre os temas abordados estão a identificação e definição de alergias e intolerâncias, reações adversas aos alimentos, manifestações clínicas, dentre outros.

O valor do investimento é de R$ 70,00 para inscrições realizadas até amanhã (07/04). Após essa data o valor é de R$ 80,00.

Informações e inscrições através do telefone (98) 98103-1768 e do email info@valortreinamento.com.br.

E-book de receitas Fazendo a Festa para Crianças com Alergias Alimentares

24 fev

A Danone Nutrição Especializada decidiu fazer a diferença na vida daqueles que já convivem com as alergias alimentares desde pequenos. Em dezembro de 2016 foi realizado o NeoParty – 1º workshop para ensinar pais de crianças alérgicas a fazerem uma festa de aniversário cheia de inclusão, sabor e possibilidades!

neoparty

Na ocasião foi lançado o livro Fazendo a Festa da Criança com Alergias Alimentares, disponibilizado essa semana para download em E-book para que todos tenham acesso à deliciosas receitas de várias comidinhas e guloseimas que são tradicionais em festas infantis, porém em versões sem leite, sem ovos, sem glúten, sem soja: bolos, docinhos, salgadinhos, pães e bebidas!

neoparty1

neoparty2

Gostaram? Para ter acesso ao conteúdo completo, faça o download gratuito do E-book clicando AQUI!!!

Letícia Almeida – Cozinha Sem Leite

9 ago

semleite0

02 anos fizemos um post divulgando o trabalho da Letícia Almeida, que a partir do problema de alergia alimentar do seu filho, começou a trabalhar fazendo, por encomenda, bolos livres leite, ovos e traços.

Ao longo desse tempo, a Letícia aprimorou seus conhecimentos, testou novas receitas e ampliou a gama de produtos oferecidos no portfólio da Cozinha Sem Leite para alérgicos e intolerantes e hoje também oferece opções sem soja, glúten, milho e vegano.

Confiram algumas opções!

Bolos, bolos de festa, torta fria, docinhos, cupcakes, brownies e biscoitos amanteigados:

semleite13

semleite5

semleite7

semleite0

Salgados (coxinha, quibe e croquete), salgados assados (esfiha, enrolado de salsicha, mini pão hambúrguer/hot dog e pão sírio),  petit fours (cebola, orégano e goiabada) e patês de frango e atum:

semleite3

semleite9

Pizzas (frango e marguerita):

semleite8

Atualmente, diversos itens podem ser encontrados em São Luís a pronta entrega em lojas de produtos naturais ou para alérgicos ou mediante encomenda diretamente com a Letícia.

Informações e encomendas através do telefone (98) 98781-1985.

Receita de Páscoa: Cupcake sem glúten, lactose e ovos

24 mar

Hoje tem mais uma receita realizada pela criançada que participou da última edição do “Cozinha Kids” (CLIQUE AQUI), na Leve Vida – Cozinha Saudável e que foi cedida pela nutricionista Carolina Sales para publicação aqui no blog It Babies.

Façam com seus filhotes em casa e divirtam-se no feriado da Páscoa. A receita de hoje não contém lactose, glúten e ovos, permitindo que crianças (e adultos) intolerantes possam comer sem restrição.

8 - IMG-20150314-WA0015

Cupcake sem glúten, lactose e ovos

Ingredientes:

– 1 xícara de farinha de arroz integral

– 1/2 xícara de fécula de batata

– 1 colher de sopa de fermento químico

– 1 xícara de açúcar demerara

– Uma pitada de sal

– 2 colheres de café de essência de baunilha

– 2 colheres de sopa de óleo (de coco, canola ou girassol)

– 1 colher de sopa de vinagre branco

– 1 xícara de água

– 3 colheres de sopa de gel de linhaça*

*Para fazer o gel: Coloque duas colheres de sopa de linhaça e 6 colheres de sopa de água em um copo e deixe hidratando por no mínimo 30 minutos.

Modo de preparo:

Peneire a farinha, o sal e o fermento. Adicione o açúcar e mexa. Adicione o restante dos ingredientes (coloque a água aos poucos – a massa não deve ficar tão líquida e talvez não seja necessário colocar toda a medida). Mexa com um fouet.

Distribua em forminhas de cupcake e leve ao forno pré-aquecido. Asse por cerca de 30 minutos a 180º.

*Para fazer com cacau: Adicione 1 colher de sopa de cacau em pó.

Recheio:

Paçoquinha: bater meia xícara de amendoim torrado com 1 colher de sopa de açúcar mascavo. Para de bater quando ele começa a ficar cremosinho. Separe um pouco da farofa para decorar os cupcakes.

Brigadeiro de biomassa de banana verde:

– 2 xícaras de biomassa de banana verde amolecida

–  1 xícara de chocolate meio amargo, ou amargo derretido (tem que ser mais que 50% de cacau)

– 2 colheres de sopa de farinha de maracujá (mas pode usar farinha de amêndoas, farinha de grão de bico)

Modo de preparo: Coloque a biomassa, o chocolate derretido e a farinha em uma panela e, em fogo baixo, mexa até que comece a desgrudar do fundo da panela.

Para rechear: faça um buraquinho no meio dos bolinhos, coloque o recheio e coloque a cobertura.

Cobertura:

Ganache funcional:

– 500g de chocolate amargo picado

– 2 colheres de sopa de biomassa de banana verde (opcional)

– 100 ml de leite de coco (ou creme de soja)

Derreta o chocolate em banho-maria. Quando estiver todo derretido, desligue o fogo e acrescente os demais ingredientes. Ele vai escurecer, é normal. Está pronto!

Coloque na geladeira por 30 minutos e  bata na batedeira – é a ganache batida.

Lançamentos Piracanjuba Zero Lactose

27 fev

Uma deliciosa novidade para os intolerantes à lactose!

“Os derivados de leite estão presentes em praticamente todas as refeições do dia, sendo consumidos por crianças, jovens, adultos e idosos, mas algumas pessoas apresentam algum nível de intolerância à lactose, e por isso, precisam reduzir o consumo de alimentos que possuem leite. E foi pensando nesses consumidores, que a Piracanjuba ampliou sua linha de produtos Zero Lactose, lançando o primeiro Creme de Leite UHT e  Leite Condensado Zero Lactose a base de leite de vaca! A Família Piracanjuba Zero Lactose está completa e é Zero Lactose de verdade. Experimente!”

Piracanjuba

Os produtos foram lançados recentemente e ainda não forma distribuídos para todo o Brasil. Portanto, para identificar se já possui venda para sua cidade, contate a Central de Atendimento ao Consumidor pelo 0800-721718 ou pelo e-mail sac@piracanjuba.com.br.

Linha orgânica de alimentos infantis

23 set

beaba2

A Jasmine Alimentos desenvolveu a primeira linha orgânica de alimentos infantis do mercado nacional. Prática, 100% natural, livre de aditivos químicos ou agrotóxicos e sem lactose, a linha Beabá, composta por mingaus, papinhas e purezinhos, é supernutritiva, rica em vitaminas e minerais. Uma opção saudável para as crianças e que facilita o dia a dia das mamães que se preocupam em dar uma alimentação correta e equilibrada a seus bebês. Todos os produtos da linha são certificados pelo IBD – Instituto Biodinâmico.

O mingau infantil orgânico (indicado a partir dos 12 meses) está disponível em três sabores: trigo e soja, arroz, quinoa e amaranto e cerais e frutas. São adoçados com açúcar mascavo e demerara orgânicos, não utilizando açúcar refinado. Além de ser rico em vitamina C, ele já vem pré-cozido e o seu preparo é instantâneo.

Beaba3

As papinhas (indicadas a partir do 6º mês) são feitas com polpa pura de frutas, nos sabores maçã e mix de frutas (banana, maçã e pera) e já vêm prontas para o consumo. Além disso, as embalagens são práticas e seguras, com textura suave para fácil manuseio pelas crianças.

beaba5

Cozidos e processados de forma inteligente, os purezinhos (indicados a partir do 6º mês) não contém açúcar, leite ou derivados, apresentam baixo teor de sódio e são feitos apenas com vegetais e cereais integrais orgânicos. A embalagem é prática e 100% segura, pois é livre de BPA e pode ser aquecida no micro-ondas e em banho-maria. Os purezinhos podem ser encontrados em três deliciosos sabores: abóbora, batata e cenoura, macarrão com vegetais e vegetais, arroz e quinoa.

beaba4

Em São Luís, a linha de produtos Beabá pode ser encontrada em supermercados, empórios e lojas de produtos para alérgicos e/ou com restrições alimentares.

Bolos, cupcakes e docinhos especiais para portadores de alergias alimentares

18 jul

alergia

Oi, pessoal! Estou feliz de compartilhar hoje aqui no Blog com vocês uma dica que acredito vai ser muito útil para várias pessoas!

Hoje em dia, com a facilidade da internet e das redes sociais, todos nós conhecemos ou já ouvimos falar das alergias alimentares. Existem muitas pessoas que não podem comer alimentos que contenham leite, glúten, ovos, etc. E foi justamente através de uma rede social, que eu conheci o trabalho da Letícia Almeida, que a partir do problema alimentar do seu filhinho, começou a trabalhar fazendo bolos livres desses ingredientes. Ela fez uma parceria com a cake designer Thaís Bezerra e já está aceitando encomendas.

Achei super bacana a história dela e acho que esse trabalho merece ser divulgado. A própria Letícia contou pra gente um pouquinho da sua vida e de como começou seu trabalho:

“Eu, meu filho e a alergia alimentar!

Olá,

Eu me chamo Letícia Almeida, sou casada com Arthur Brito  e nós somos pais do Ricco Arthur.

Há 1 ano atrás recebíamos nos nossos braços um ser que mudaria nossas vidas pra melhor. Nascia nosso primeiro filho, o único e verdadeiro amor, o Ricco. Um meninão lindo, forte e com os olhinhos arregalados. Observador, já foi mamando logo rsrs (fominha)… Foi a felicidade geral da nossa família!

Os três meses de vida dele foram normais, ganhando peso, crescendo, dormindo bem. Porém, no pescocinho sempre persistia uma dermatite (que na época pensávamos que era brotoeja por calor ou assadura que geralmente aparece nas dobrinhas das crianças). Quando levei na pediatra e mostrei, ela suspeitou logo de APLV (alergia a proteína do leite de vaca) e pediu que eu fizesse uma dieta de exclusão de alimentos com leite e derivados. Já que ele só mamava. Então, a mamãe aqui entrou na dieta… Passando um mês de dieta, retornamos a médica, pois o Ricco não estava ganhando peso e continuava com a dermatite no pescoço e nas costas. Por orientação médica, excluí soja da minha alimentação, pois geralmente causa alergia cruzada ao leite. Comecei novamente outra dieta sem leite e derivados e soja.

Como todos os meses, fazia um bolinho pra comemorar o mensário dele. E no de quatro meses resolvemos fazer um bolo do superman e o fantasiamos, foi tudo lindo até os parabéns, quando resolvemos deixar ele pegar no bolo. Em questão de minutos, meu filho ficou com placas vermelhas pelo corpo e eu corri pra emergência do hospital. Quando de fato confirmamos a alergia não só ao leite, mas também a soja, ovo, carne vermelha, trigo, mamão e todos esses alimentos confirmados pelo exame de sangue.

Daí em diante, as coisas complicaram pra mim.. Pois da noite para o dia tive que tirar esses alimentos do nosso cardápio (já que eu amamentava ia tudo pra ele). Não foi nada fácil no inicio, pois parecia que toda restrição alimentar que eu estava fazendo não dava certo. Meu filho continuava com reações fortes e eu perdendo peso. Pulei de médico em médico pra conseguir estabilizar e entender o que estava acontecendo. Foi quando encontrei um grupo de mães de alérgicos na internet e que passavam pelas mesmas coisas que eu. Começamos a trocar experiências e informações certas já que são mães que vivem diariamente e há anos com essas alergias. Foi aí que encontrei um equilíbrio pra conseguir conviver de forma tranquila e saudável com tantas restrições. Aprendi a ler rótulos de todos os produtos, pois a grande maioria leva leite, soja ou ovo em seus ingredientes (alimentos que meu filho mais tem alergia) e eu não sabia disso. Aprendi sobre traços e contaminação cruzada dos alimentos na minha cozinha (todos os utensílios domésticos onde passaran esses alergênicos tive que trocar). Como meu filho reage ao contato, então meu marido teve que entrar na dieta também pra não contaminar nossas coisas como esponjas, louças. Pra onde nós vamos levo a marmita… Comida na rua tão cedo! Nossa vida realmente mudou… Muita festinha de aniversário deixava de ir, encontros e saídas com os amigos, almoços na casa da sogra. As pessoas não entendiam e ainda faziam comentários chatos. Momentos muito tristes pra mim.

Mas acreditamos tanto em Deus, que se hoje vivemos tudo isso é porque somos fortes o suficiente pra dar a volta por cima, e sei que Ele tem planos grandiosos para nossa família. Como costumo falar: Deus não escolhe os capacitados, ele capacita os escolhidos! E eu fui escolhida pra ser mãe do Ricco Arthur, pra amar, cuidar, proteger e estou sendo capacitada diariamente pelo Senhor, para dar estilo de vida ao meu filho, a mim e agora a outras crianças alérgicas.

Por conta de tudo isso que vivemos resolvi me readaptar, me reinventar, já que produtos livres de todos alimentos que ele tem alergia é quase impossível encontrar e quando encontro tenho que ligar no SAC da empresa. É trabalhosa a vida de um alérgico.

Por conta dessa carência de alimentos sem esses ingredientes (leite, ovo, soja e trigo), resolvi em parceria com uma pessoa linda, generosa, hiper profissional e mãe de um ex alérgico, Tháis Bezerra (cake designer) a fazer encomendas de bolos , cupcakes, brownies, docinhos e estou estudando a possibilidade de salgados pra crianças alérgicas ou adultos. Já que é muito difícil de encontrar locais que tenham ou façam essas coisas sem todos esses ingredientes e sem traços numa só receita.

E por isso a convite da Valeria Vieira, estamos aqui pra compartilhar nossa historia real e uma futura empresa para atender crianças com alergia alimentares. Quero proporcionar ao meu filho e a outras crianças a opção de ter festas seguras e com o direito de poder comer do próprio alimento que está ali. Livres de ingredientes que possam fazer mal. Para também poder participar das festinhas escolares, ou na casa de amiguinhos ou mesmo na sua própria casa. Enfim, uma vida normal como outra qualquer sem medo de comer!

Enquanto estudo a abertura de uma futura empresa pra atender alérgicos… Estamos aceitando encomendas nos números (98) 87811985 e whatsapp (98) 88528606.

Bjus, e Obrigada”

Agora, algumas fotos dos bolos lindos que a Letícia e a Thaís preparam:

bolo1

bolo2

bolo3

E uma foto da Letícia e sua família:

família

Letícia, muito obrigada por compartilhar sua história aqui com a gente. Tenho certeza que muitas pessoas vão se identificar com você e sua luta pela saúde do seu baby e de toda a sua família.

Espero que todos tenham gostado da dica! 😉

%d blogueiros gostam disto: